Noticias de la industria
União farmacêutica
Cinco farmacêuticas se unem para ampliar acesso ao diagnóstico molecular de câncer de pulmão no Brasil

 

O Projeto Lung Mapping visa agilizar a identificação do subtipo do tumor, que é mandatório para determinar o tratamento adequado aos pacientes

 

O câncer de pulmão é o segundo mais comum em homens e o quarto em mulheres no Brasil[1]. Novas terapias têm oferecido à classe médica e aos pacientes maior precisão no tratamento desse tipo de câncer, mas o diagnóstico ainda representa um desafio, já que a identificação das alterações moleculares, responsáveis pelo desenvolvimento da doença, é fundamental para identificar o tratamento adequado. Com o objetivo de ampliar o acesso ao diagnóstico preciso, foi apresentada aos médicos durante a SBOC – Congresso Brasileiro de Oncologia, o Lung Mapping, uma parceria entre AstraZeneca, Bayer, BMS, Pfizer e Roche que visa otimizar a jornada do paciente com câncer de pulmão de células não pequenas (CPNCP) subtipo não-escamoso.

O Lung Mapping irá disponibilizar gratuitamente os exames para detectar o perfil molecular do tumor, por meio de um painel genômico abrangente (FoundationOne® CDX), um teste de alta sensibilidade que contempla 324 genes relevantes para a escolha da melhor conduta clínica, em conjunto com a informação de expressão de PD-L1 (Ensaio SP263 – Ventana®). A tecnologia utiliza uma amostra única e garante diagnóstico preciso, o que contribui para a personalização do tratamento ao paciente[2]. O teste estará disponível para os pacientes com CPNCP subtipo não escamoso de todo o Brasil, mediante solicitação médica.

Para a Dra. Ana Gelatti, Oncologista Clínica – Grupo Oncoclínicas Porto Alegre, Vice-Presidente do Grupo Brasileiro de Oncologia Torácica (GBOT) e membro da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC), o projeto vai facilitar o acesso a ampla avaliação molecular através do sequenciamento genético, o que atualmente é disponível para uma pequena parcela destes pacientes tendo em vista o custo deste exame. A rápida evolução científica no tratamento do câncer de pulmão tem sido surpreendente, e atualmente pelo menos 6 avaliações moleculares são consideradas essenciais nesse subgrupo. Hoje são necessários diferentes testes para identifica-las e muitas vezes a amostra tumoral não é suficiente para que todo perfil seja analisado. O acesso ao sequenciamento genético facilitará isso.

A parceria entre empresas foi possível, porque as companhias entendem que proporcionar acesso à detecção do perfil tumoral é fundamental para guiar a conduta terapêutica dos pacientes com câncer de pulmão, o que poderá impactar de forma positiva o resultado do tratamento.

“A jornada do paciente com câncer de pulmão é longa e repleta de desafios.  Ter acesso ao perfil molecular, da forma como este projeto propõe, será um divisor de águas para prescrever a terapia-alvo molecular adequada ao paciente, explica Dra. Samira Mascarenhas, Oncologista clínica do Núcleo de Oncologia da Bahia - Grupo Oncoclínicas e Diretora Científica do GBOT. Além disso será possível traçar um perfil da realidade epidemiológica dos pacientes brasileiros com câncer de pulmão, completa a especialista.

A primeira parceria do gênero, que foi firmada em 2017 e contou com a participação da AstraZeneca, BMS e Pfizer, realizou mais de 20.000 exames gratuitamente e contribuiu para o diagnóstico preciso de mais de 10.000 pacientes. Com o aprimoramento do projeto – que em sua nova versão contará com exames mais sensíveis e precisos, a expectativa das indústrias é beneficiar ainda mais pacientes diagnosticados com câncer de pulmão nos próximos anos.

Sobre os testes

O perfil molecular do tumor é feito através de um painel genômico abrangente (FoundationOne® CDx), um teste de alta sensibilidade que contempla 324 genes relevantes para a conduta clínica, juntamente com a informação de expressão de PD-L1 (Ensaio SP263 - Ventana®).

O teste proporciona maior precisão e melhor qualidade no diagnóstico dos pacientes, facilitando a personalização do tratamento. Isso tudo em uma amostra única, ao mesmo tempo e sem custo ao paciente[3].

 

Como solicitar os exames

Os testes FoundationOne® + PD-L1 – ensaio Ventana® poderão ser solicitados através das plataformas das empresas que fazem parte do Lung Mapping. Cada empresa desenvolveu uma plataforma específica que conta com infraestrutura de apoio aos programas, compreendendo websites próprios, centrais de atendimento 0800, parceria com laboratórios, entre outros. Os programas são ID (AstraZeneca), onTRacK (Bayer) I-O Detect (BMS) , Pfizer Alvo (Pfizer)  e Roche Teste (Roche). Em cada um deles, os médicos cadastrados poderão fazer as solicitações dos exames de seus pacientes. 

 

Sobre o câncer de pulmão

O câncer de pulmão é o segundo mais incidente em homens e o quarto entre as mulheres no país, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA)3. No Brasil, este tipo de câncer atingiu mais de 31mil pessoas, em 20184[4]. Estimam-se 18.740 casos novos de câncer de pulmão em homens e de 12.530 nas mulheres até o final de 2019[5].

 

Sobre a AstraZeneca

A AstraZeneca é uma empresa biofarmacêutica global, voltada para inovação, com foco principal na descoberta, desenvolvimento e na comercialização de medicamentos de prescrição, principalmente para o tratamento de doenças em três principais linhas terapêuticas - Oncologia, Doenças Cardiovasculares & Metabólicas e Respiratória. A companhia também atua nas áreas autoimunidade, neurociência e infecção. A AstraZeneca opera em mais de 100 países e seus medicamentos inovadores são usados por milhões de pacientes em todo o mundo. Para mais informações acesse: www.astrazeneca.com

 

Sobre a Bayer

A Bayer é uma empresa global focada em Ciências da Vida nas áreas de saúde e nutrição. Seus produtos e serviços são desenvolvidos para beneficiar pessoas apoiando-as para superar os maiores desafios apresentados pelo crescimento e envelhecimento populacional. Além disso, a companhia visa criar valor por meio da inovação e crescimento. A Bayer é comprometida com os princípios do desenvolvimento sustentável e a marca Bayer representa confiança, credibilidade e qualidade ao redor do mundo. No ano fiscal de 2018, com cerca de 117 mil colaboradores, obteve vendas de € 39,6 bilhões. Os investimentos totalizaram € 2,6 bilhões e as despesas com Pesquisa & Desenvolvimento somaram € 5,2 bilhões. Para mais informações, acesse www.bayer.com.br.

 

Sobre a Bristol-Myers Squibb

A Bristol-Myers Squibb é uma biofarmacêutica norte americana global cuja missão é descobrir, desenvolver e disponibilizar medicamentos inovadores que ajudem os pacientes a superar doenças graves. Para mais informações sobre a Bristol-Myers Squibb, visite www.bristol.com.br

 

Sobre a Pfizer

A Pfizer investe fortemente em ciência para promover o desenvolvimento de terapias que ajudem a prolongar e a melhorar a vida das pessoas. Os esforços se concentram na manutenção de um elevado padrão de qualidade, segurança e valor durante os processos de pesquisa, desenvolvimento e manufatura de uma variada gama de produtos para o cuidado com a saúde. Seu portfólio global inclui medicamentos e vacinas, além de alguns dos produtos isentos de prescrição mais conhecidos no mundo. A cada dia, seus profissionais trabalham, tanto em mercados desenvolvidos como emergentes, em prol do bem-estar, da prevenção, dos tratamentos e da cura para muitas das mais importantes doenças da atualidade. Como uma das principais companhias biofarmacêuticas e inovadoras do mundo, por mais de 150 anos a Pfizer vem colaborando com profissionais de saúde, governos e comunidades locais para apoiar e expandir a atenção e o acesso à saúde em todo o mundo, trabalhando para fazer a diferença na vida das pessoas. Para mais informações visite o portal www.pfizer.com.br e as redes sociais da companhia: Twitter, Facebook e YouTube.

 

Sobre a Roche

A Roche é uma empresa global, pioneira em produtos farmacêuticos e de diagnóstico, dedicada a desenvolver avanços da ciência que melhorem a vida das pessoas. Combinando as forças das divisões Farmacêutica e Diagnóstica, a Roche se tornou líder em medicina personalizada - estratégia que visa encontrar o tratamento certo para cada paciente, da melhor forma possível. Com sede em Basileia, na Suíça, o Grupo Roche atua em mais de 100 países e, em 2018, empregou cerca de 94.000 pessoas em todo o mundo. No mesmo ano, a Roche investiu 11 bilhões de francos suíços em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) e suas vendas alcançaram 56,8 bilhões de francos suíços. Para mais informações, visite www.roche.com.br.

 

  1. Instituto Nacional do Câncer – https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer
  • MS / INCA / Estimativa de Câncer no Brasil, 2018
  • MS / INCA / Coordenação de Prevenção e Vigilância / Divisão de Vigilância e Análise

(Acessado em outubro de 2019)

 

[1]Fundation Medicine - https://www.foundationmedicine.com.br/nossos-servicos/cdx.html

[1] Fundation Medicine - https://www.foundationmedicine.com.br/nossos-servicos/cdx.html

[1] Instituto Nacional do Câncer – https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer (Acessado em outubro de 2019)

[1] Instituto Nacional do Câncer – http://www1.inca.gov.br/estimativa/2018/sintese-de-resultados-comentarios.asp (Acessado em outubro de 2019)

 

  1. Instituto Nacional do Câncer – https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer
  • MS / INCA / Estimativa de Câncer no Brasil, 2018
  • MS / INCA / Coordenação de Prevenção e Vigilância / Divisão de Vigilância e Análise

(Acessado em outubro de 2019)

 

[2]Fundation Medicine - https://www.foundationmedicine.com.br/nossos-servicos/cdx.html

[3] Fundation Medicine - https://www.foundationmedicine.com.br/nossos-servicos/cdx.html

[4] Instituto Nacional do Câncer – https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer (Acessado em outubro de 2019)

[5] Instituto Nacional do Câncer – http://www1.inca.gov.br/estimativa/2018/sintese-de-resultados-comentarios.asp (Acessado em outubro de 2019)

EDIÇÕES VR DO BRASIL
Rua Acuti, 328 - sala 4 – (CEP 04810-160) – Cidade Dutra – São Paulo / SP – Brasil (55-11) 5505-7088 / (55-11) 5103-0423